sexta-feira, 30 de julho de 2010

Vagas impressões sobre o IV Cinesofia





Acabo de chegar de Buenos Aires onde ocorreu a IV Cinesofia. É interessante parar e refletir um pouco sobre o que se passou. Refletir ainda encantado pelas conversas e momento vividos. Momento propício para confirmar o que já dizia Nietzsche, a de que a reflexão encantada é a forma mais autentica de se pensar.

Possuo agora palavras vagas, pois relato impressões. Foi um encontro muito rico, com uma multiplicidade de propostas e muito trabalho: um curso de Educação à Distância, entrevistas, discussões em torno da tese de doutorado que me dedico, propostas de maior integração entre as diversas Casas Warat. Acho que disso tudo, dentro dessa protuberância desordenada de idéias que agora escrevo, o que mais me impressionou no IV Cinesofia foi ter a certeza de que estamos construindo uma forte rede, que terá grande impacto na construção de uma outra realidade jurídica brasileira. Pude conhecer um pouco mais diversas outras pessoas que estão integradas no projeto, algumas que conhecia apenas por nome ou por seus textos. Momento presencial em que pude depositar ainda mais confiança nas pessoas que me cercam, no projeto que construímos e no caminho que estamos percorrendo.

Eduardo Rocha

sexta-feira, 9 de julho de 2010

"Loucos de Raiva com a fome"


O poder construtor da raiva.
Sentir além do horizonte para construir Direitos.
Veja neste link o vídeo da Campanha "Loucos de Raiva com a fome".

http://www.youtube.com/watch?v=il_1tEQMwqY

Selvino Heck

"1.000.000.000 de pessoas vive com fome crônica e eu estou louco de raiva". Com um apitaço, bandeira do Brasil na mão, conselheiros e conselheiras do CONSEA (Conselho Nacional de Segurança Alimentar), o representante regional da FAO para a América Latina e Caribe José Graziano da Silva e uma delegação de 40 conselheiros de segurança alimentar da América Latina e Caribe lançaram a campanha "1billionhungry" (um bilhão com fome, na tradução literal) esta semana em Brasília.

A campanha "1billionhungry" usa imagens e mensagens fortes para chamar a atenção para o problema e pedir um basta à fome. Um dos destaques é o vídeo promocional estrelado pelo ator britânico Jeremy Irons, no qual ele interpreta um personagem baseado na famosa cena do filme Rede de Intrigas (Network).

Uma petição on-line pede que os governos façam da erradicação da fome sua principal prioridade. E que as pessoas fiquem indignadas com o fato de que cerca de um bilhão de pessoas no mundo viva com fome.

O símbolo da campanha é um apito amarelo. A idéia é encorajar as pessoas a apitar contra a fome. "Deveríamos estar furiosos com o vergonhoso fato de que seres humanos ainda sofram de fome", disse o Diretor Geral da FAO, Jacques Diouf. "Se você se sente assim, quero que você dê voz à sua raiva. Todos vocês, ricos e pobres, jovens e idosos, em países em desenvolvimento e desenvolvidos, devem expressar sua raiva sobre a fome mundial assinando a petição global."

Se o mundo continuar no mesmo ritmo de redução da fome, o objetivo de Desenvolvimento do Milênio de reduzir pela metade o percentual de pessoas com fome até 2015 não será alcançado. De cerca de um bilhão de pessoas com fome, 642 milhões vivem na Ásia e no Pacífico, 265 milhões na África Subsaariana, 53 milhões na América Latina e Caribe, 42 no Oriente Médio e Norte da África e 15 milhões em países desenvolvidos.

Segundo José Graziano, América Latina e Caribe é a única região do Mundo que teve retrocessos em número de pessoas com fome por causa da crise econômica. Nesta região, "quem não trabalha não come". O único país que gerou empregos durante a crise foi o Brasil. "É um milagre".

Houve queda dos preços agrícolas no período, mas não houve queda de preços dos insumos. A cesta básica dobrou com a crise na maioria dos países. Assim, recrudesceu a pobreza, que vinha diminuindo em número de pessoas e em percentual. Hoje, América Latina e Caribe têm mais pobres e miseráveis que nos anos oitenta. São hoje 53 milhões de famintos quando eram 45 milhões em números absolutos. "Perdemos em três anos o que levamos quinze para avançar". Na Guatemala, há uma criança desnutrida para cada duas. Ao mesmo tempo, aumenta o sobrepeso. "Comemos pouco e comemos mal."

Segundo Graziano, os países com maiores recursos são os que têm maiores programas de segurança alimentar. Os que gastam mais, têm menores índices de desnutrição infantil.

As razões deste quadro são principalmente três. Há pouca capacidade de reação dos países à crise econômica, o que tem a ver com os processos de privatização dos tempos neoliberais. Os países não têm, por exemplo, armazéns para armazenar os produtos ou bancos públicos para financiar a produção. O sistema tributário latino-americano é o mais injusto do mundo. Poucos países têm um mínimo de impostos sobre a propriedade, os chamados impostos diretos. Como a maioria dos impostos incide sobre o consumo, os impostos indiretos (ICMS, por exemplo), quando há crise, cai o consumo e cai a arrecadação de impostos. Na América Latina a redistribuição de renda, arrecadado o imposto, é de apenas 2% em média; na Europa chega a cerca de 30%. E, terceiro, "contam-se nos dedos os países que têm institucionalidade sobre segurança alimentar e nutricional". Poucos países têm leis que garantam o direito à alimentação ou conselhos e participação social na definição das prioridades. Os que têm, as leis são recentes, dos anos 2000.

Se olharmos o futuro, diz Graziano, as perspectivas não são boas. "Se repetirmos o padrão de recuperação da crise dos anos oitenta, os indicadores sociais levam o dobro do tempo para se recuperarem em relação aos indicadores econômicos. Como se estimam 12 anos para a recuperação econômica, seriam 24 para a retomada dos indicadores sociais."

A fome tem pressa, dizia Betinho Por isso, a urgência da campanha lançada para a FAO em todo o mundo, que deve recolher um milhão de assinaturas até o dia 16 de outubro, Dia Mundial da Alimentação. O CONSEA já está engajado. Falta agora engajar governos e sociedade. As assinaturas podem ser feitas por meios eletrônicos assim como haverá listas de assinaturas circulando em todos os lugares.

Para assinar a petição: http://www.1billionhungry.org/faobrasil/.

Selvino Heck é Assessor Especial do Gabinete do Presidente da República

quarta-feira, 7 de julho de 2010

Sueño Con Serpientes

Composição: Silvio Rodriguez

http://www.youtube.com/watch?v=88kZIM6zXn0

"Hay hombres que lucha un dia y son buenos
Hay otros que luchan un año y son mejores
Hay quienes luchan muchos años y son muy buenos
Pero hay los que luchan toda la vida
Esos son los imprescindibles"
(Bertolt Brecht)

Sueño con serpientes, con serpientes de mar
Con cierto mar, ay, de serpientes sueño yo
Largas, transparentes, y en sus barrigas llevan
Lo que puedam arrebatarle al amor

Oh, la mato y aparece una mayor
Oh, con mucho más infierno en digestión

No quepo en su boca, me trata de tragar
Pero se atora con un trébol de mi sien
Creo que está loca: le doy de masticar una paloma e la enveneno de mi bien

Oh, la mato y aparece una mayor...

Esta afin me enguye, y mientras por su esofago
Paseo, voy pensando en qué vendrá
Pero se destruye cuando llego a su estomago
Y planteo con un verso una verdad

Oh, la mato y aparece una mayor...

sexta-feira, 2 de julho de 2010

Se viene cinesofía IV


Cinesofía IV en Buenos Aires

Cine con amigos

Casa Warat Buenos Aires tiene el honor de invitar al ciclo de films argentinos – Brasileños que se desarrollará en la semana del 19 al 25 de julio a las 18 hs.



Algunos films:

Leonera – Macumaina - Túneles en el río- Justicia - Dos Hermanos - Los barcos - algo de Nelson Rodrigues, cortometrajes y mucho más.




Cine debate, cafés filosóficos, encuentros, camaradería, churrasco afectivo, sorpresas.


Actividades de los multiespacios del mestrado da URI -Universidad Regional Integrada del Alto Uruguay y las Misiones-, Brasil.


Actividad abierta, están tod@s invitados, los esperamos!


19 al 25 de julio de 2010.

fonte:http://luisalbertowarat.blogspot.com/

Confirmado la cuarta cinesofia en la sede Buenos Aires do mestado en direito da Uri Santo Angelo


Iniciando sus actividades del los multiespacios del mestrado da Uri se realizara la cuarta cinesofia del 19 al 25 del corriente mes.
LaIV Cinesofia se realizara en el formato de cinecafe, se exhibirá el filme y luego se abrirá un espacio de debate los participantes
Por el momento la programacion comenzara con la exihibicion a las18hs del dia lunes la pelicula Macunaima
el martes en el mismo horario la pelicula la Leonera
dia Miercoles a las 18Hs A justiça
Jueves 18 hsUna pelicula de Nelson Rodriguez
viernes 18 exhibicin de cortos
Sabado churasco afectivo

fonte:http://luisalbertowarat.blogspot.com/

Completa-se um ciclo!


Chegamos ao final do primeiro semestre. Viagem longa e incerta, mas com saldos positivos, na verdade, muitos resultados positivos. Aprendemos que é necessário estimular o nosso lado cronópio em um mundo demasiadamente fama, mas que também o lado fama tem uma grande importância. Há uma tensão necessária, afinal, somos ordem, mas também somos caos. A Casa Warat Goiás trabalhou para que compreendêssemos um pouco desse caos interior. Trabalhou para que recusássemos a paz interior, ideal e inexistente. Somos bichos, somos animais, somos viscerais, mas não só, pois somos vida (guerra) e também morte (a calma do fim e do início).


Creio que a grande lição do primeiro semestre, se é possível falar de forma tão pretensiosa assim, foi compreendermos um pouco da importância da entrega e do envolvimento. Entrega para si e entrega para o outro, como forma indispensável de se produzir conhecimento mais complexo e uma sociedade melhor. Para isso, temos que usar mais que nossas cabeças, mas também e fundamentalmente, envolver nossos pulmões, nossos corações e nossas tripas.

Muito obrigado a todos e todas, por me fazer sentir parte de uma revolução molecular.

abraços e beijos
Eduardo Rocha

compartilhar